segunda-feira, 21 de dezembro de 2015

Game Saint Seiya Zodiac Brave já tem trailer novo


O site oficialdo game Saint Seiya Zodiac Brave foi atualizado com novas imagens e um novo Trailer do game que será lançado para telemóveis (Android e o tal do iOS).

Pelo que tudo indica,  o Game será no estilo RPG (batalha de turnos, tipo Final Fantasy das antigas) e o gráfico é o exigente (e interessante) Cel Shading. Se você não sabe o que diabéisso, recomendo esse vídeo.

Pelo vídeo, dá pra ver que o cacete come solto entre os cavaleiros... mas ainda  não dá pra saber se será lançado apenas no Japão, como ocorreu com o Saint Seiya Sugo-waza Party Battle.

Projeto Literatura de Bolso promete unir Literatura e Whatsapp


Sim, você já foi alvo de críticas desse calibre. As pessoas dessa geração mais ligada na Internet são, normalmente, criticados pelo seu frenético acesso nas Redes Sociais, ao passo que não se dão ao trabalho de ler um livro.

A negligência voluntária do brasileiro com rElação a leitura já foi comprovada por pesquisa.

Eu não me considero um doente pelo "zapzap", mas também não sou um rato de biblioteca... não tenho paciência para atividades intelectuais, mas, sim, eu estou com a leitura em dia.

Recentemente o WhatsApp sofreu um bloqueio nacional ou pelo menos tentaram bloquear(entenda os motivos aqui). Enfim, já demos dicas para quem terminou de ler um livro e não sabe o que fazer, agora daremos outra dica para você, Oh Leitor entusiasta da Literatura, não ser mais taxado de

O projeto Literatura de Bolso é uma proposta bastante ousada: Unir o aplicativo móvel WhatsApp (o mais usado para comunicação atualmente) e... Livros! Sim, você se cadastra no site e recebe pequenos trechos de livros para ler onde você estiver.
Julian Vilela e Paulo Santos, idealizadores do projeto 'Leitura de Bolso' (Foto: http://g1.globo.com/distrito-federal/noticia/2015/11/para-incentivar-leitura-projeto-do-df-envia-trechos-literarios-por-whatsapp.html)


A Agência Isobar Brasil está na frente desse projeto cuja primeria contribuição foi de Roberto Klotz (que já é escritor profissional, dedicando ao projeto seu livro "Quase Pisei"). Ao se cadastrar, você receberá esse conteúdo num formato inédito, próprio para o projeto. Ainda, o conteúdo literário pode chegar na forma de imagens e ainda está em estudo o uso de vídeos.

sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

Macaulay Culkin interpreta versão adulta do personagem de "Esqueceram de Mim"


Se tem algo que, todo o ano, indiscutivelmente, se repete durante os festejos de Natal e Ano Novo, sem dúvida, é a exibição de algum filme da franquia Esqueceram de Mim (Home Alone no original)...

... isso e aquela música de Natal da Simone.


A imagem é "sugestiva", eu admito, mas quem se importa?!

Seja como for, sempre é reprisado algum dos Esqueceram de Mim (normalmente é o Dois) e penso que todos já viram esse filme protagonizados pelo polêmico Macaulay Culkin. Caso não tenha visto esses filmes, corra atrás do prejuízo, é o tipo de filme que você vê uma caralhada de vezes e sempre dá risada. Aliás, eu sempre estranhei o motivo que a família do pentelho não dá falta dele no Aeroporto... aqui está a explicação.

Voltando ao assunto, Macaulay Culkin chegou a ser o Queridinho da América e, atualmente, mais parece a versão gringa do Nilo (Avenida Brasil). Acontece que, em uma Websérie de comédia chamada Dryvrs, onde um motorista leva celebridades para passear (tipo um Taxi do Gugu), o primeiro programa conta com a participação de Macaulay...

... Só que o cara caiu na brincadeira e interpretou uma versão adulta de Kevin McCallister.

E ficou divertidamente insano!

Entre uma piada e outra, Kevin e Jack Dishel (protagonista do tal programa) são assaltados por... bom, por um ladrão genérico (Kerry Harris - Diretor do programa, ao lado de Jack Dishel). Aí é que a coisa fica engraçada, pois Kevin é perito em sacanear a vida de assaltantes, como todos sabem.

O pilantra leva queimaduras, é amarrado com enfeites de natal e preso por Kevin. A sacada foi muito boa e ainda tem direito a pequenos momentos de loucura por parte de Macaulay.

É muita sequela pra uma pessoa só, meu povo!

quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

Animação feita por fã bota Ichigo (Bleach) contra Pain (Naruto Shippuden) numa luta incrível

Eu já havia publicado algumas animações feita por fãs aqui no Blog (tipo a "batalha final" do Naruto contra o Sasuke), mas esta daqui, ah, ESTA DAQUI É UMA ANIMAÇÃO FODA PRA CARÁI!

FODA PRA CARÁÁÁÁÁÁIIII!

Cara, é difícil arrumar alguma informação sobre o cidadão que fez esse vídeo. O pouco que consegui arrumar pra vocês é que trata-se de um grupo russo chamado Lazar Corp e que este vídeo foi feito em 2014. Eles tem outras animações... aliás, segue abaixo o resto da treta entre o Ichigo e o Pain.
FODA PRA CARÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁAÁÁÁIIIIIIIIII!!!!

Ah sim, o segundo vídeo é notoriamente mais bem feito.... não que o trabalho seja de baixa qualidade, mas entenda que no primeiro vídeo os personagens não tem muitos detalhes (como expressão do rosto, sombra e tal). Já o segundo, logo de cara, vemos com perfeição as expressões do Ichigo e os detalhes no gráfico.

FODA PRA CARÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁAÁÁÁIIIIIIIIII!!!!

segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

Padre Cícero vira mangá em Juazeiro do Norte


Apesar da recente notícia do perdão dado ao Padre Cícero pela Igreja Católica (representada, atualmente, pelo carismático Papa Francisco), a criação de um mangá sobre o Padin Ciço é relativamente antiga...

... mas que se dane! Vou falar disso assim mesmo!

Um grupo de Mangakás de Juazeiro do Norte (Grupo Katsu - vencer em japa) lançou, em abril de 2012, o "mangá" chamado Joaseiro, sobre a cidade de Juazeiro do Norte (era o nome antigo da referida cidade) e, claro, sobre o famoso Padre Cicero.
Acho que essa é a cena mais conhecida do trabalho dos caras
 O mangá tem cerca de 50 páginas e foca, também, o caráter Misterioso da participação de Padre Cícero na história da Igreja Católica, o sonho que ele teve com Jesus e os 12 apóstolos dando ao próprio Padre a tarefa de cuidar dos flagelados, mas sempre fortalecidos homens de fé naquela região.

Conheça os autores do “Joaseiro”:
Allan Fefferson – desenho, tons e cores
Israel de Oliveira – desenho e storyboard e arte final
Jefferson de Lima – arte final
Hiroyto Sobreira – roteiro
Tony Paixão – tratamento digital
Edson Gonçalves – vice-presidente
Luís Monteiro – coordenador de projetos
Leandro da Silva – tesoureiro
José Fábio Vieira – presidente

terça-feira, 8 de dezembro de 2015

Livros sobre Star Wars

Imagem retirada de http://www.ditopelomaldito.com/2012/10/celebracao-leitura-com-star-wars.html
 Eu sempre digo isso nos dois blogs: Esta é a Melhor época para ser um Nerd/Geek.

Claro, o Nerd é só um cara que pensa diferente, com gosto diferente dos demais e a Humanidade, desde que o Mundo é Mundo, sempre teve medo do que é diferente, o que gerou desconforto pra muita gente.

Se você sofreu Bullying na escola (ou coisa semelhante), se ninguém do seu circulo social não sabia nada de Games, Animes, quadrinhos (ou mangá), tecnologia ou mesmo sobre literatura (sim, eu conheco gente que foi excluída por gostar de ler)... ou se você sequer tinha um circulo social para chamar de seu, ALEGRAI-VOS!

Quadrinhos virando filmes de tirar o chapéu, cultura Otaku por metro quadrado, tecnologia relativamente alta e acessível pra qualquer um... enfim, as coisas vão bem para os Nerds/Geeks.

Uma das coisas que acaba misturando bastante essa imagem de Nerd aos demais "Trouxas" é a venda de livros sobre coisas de Nerd. É um desafio, eu vo-lo digo! Recentemente, Star Wars voltou com força total e haverá um encontro épico nas salas de cinema de todo o Planeta (Terra, Marte, Tatttoine, enfim, onde quer que seja exibido o Episodio VII): O encontro de duas gerações amantes de Star Wars para apreciarem, juntas, um novo começo!

Lágrimas deixam o teclado ensopado, mas vamos em frente.

Para entender melho essa questão, veja este vídeo sobre o Universo Extendido de Star Wars. Sem mais demora, enquanto ainda não chega o Episódio VII nos cinemas (Dia 17 de Dezembro/15), recomendo alguns livros sobre Star Wars para você ir descobrindo a Força antes de chegar ao Cinema. Aviso logo de cara que nem todos eu tive realmente contato. Então, seja Homem e saque seu Sabre de Luz.


Star Wars Legends - Kenobi (Capa do Livro)

KENOBI - JOHN JACKSON MILLER

Lembro de, certa vez, ler em uma matéria de revista sobre Star Wars onde George Lucas comparar os Jedis aos Xerifes do famoso Velho Oeste. É mais ou menos esse o conceito que podemos enquadrar Kenobi, um dos primeiros livros sobre Star Wars que tive contato desde que tive oportunidade.

Com efeito, o próprio John Jackson (Historiador, Jornalista e Autor do livro) define o livro como Western (um conceito para livros e filmes com o Faroeste de pano de fundo).

A história se passa entre os eventos que finalizam o Episódio III e até o início do Episódio IV, onde Obi Wan Kenobi , um Jedi poderoso e respeitado na quebrada é resumido a Ben Kenobi, um velho exótico e anti-social residente no planeta Tattoine.

Temos a oportunidade de conhecer o ponto de vista deste guerreiro (agora já em idade avançada) sobre sua missão de exílio no deserto planeta, zelando pelo pequeno Luke Skywalker e evitando maiores atritos com o Império.

Concordo que a proposta do livro é, no mínimo, ousada. Se você ficou curioso, dá uma sacada num vídeo do próprio Jackson Miller sobre o livro.



A ARTE DE STAR WARS: O DESPERTAR DA FORÇA - PHIL SZOSTAK

A Arte de Star Wars (Capa do Livro)
Esse ainda não verifiquei, mas já deu pra perceber que vai na Onda gerada pelo Episódio VII. 

Pelo que pesquisei, A Arte de Star Wars leva você desde o primeiro encontro de artistas e designers de produção, passando por instalações da Lucasfilm (São Francisco), Estúdios Pinewood e a Industrial Light&Magic (rotineira em ganhar Oscar por efeitos visuais). 

O livro também conta com entrevistas exclusivas com toda a equipe de criação e cenas dos bastidores e dos materiais que iniciam todo e qualquer trabalho cinematográfico (tipo Storyboards do filme e desenhos de caráter mais técnico).

Sua chegada às lojas ficou para o mesmo dia de estréia do Episódio VII, ou seja, dia 17 de  dezembro. 

Ah, gostou da capa?! Obra de Doug Chiang (nascido em Taiwan e naturalizado americano), que já é bastante conceituado quando o assunto é Star Wars. Se estiver mais interessado em acompanhar o trabalho do cara, taí um vídeo com alguns trabalhos dele. 

STAR WARS - TRILOGIA DE THRAWN

Adicionar legenda
Este aqui vale a pena ser lido... quer dizer, não que os demais não sejam, mas esta trilogia tem um "tchan" a mais, já que é considerada até o presente momento como a VERDADEIRA sequência de Star Wars depois do que ocorreu em O Retorno do Jedi. 

Escrito pelo novelista de ficção científica Timothy Zahn, os três livros (1º-Herdeiros do Império; 2º O Despertar da Força Negra; 3º A Última Ordem) ocorrem cerca de 5 anos depois de O Retorno do Jedi e apresenta uma série de desdobramentos por conta de uma ameaça vinda dos confins do Cosmos: Uma frota de cruzadores liderados pelo Grande Almirante Thrawn.

A inclusão de outros personagens como o autoproclamado Mestre Jedi Joorus C’Baoth e Mara Jade, além do próprio Almirante Thrawn prometem muita bagagem para os fãs da série. 

BÔNUS - QUADRINHOS 

Resolvi apontar, também, os quadrinhos da franquia que são bem interessantes para matar a sede de quem aguarda por coisa nova, mas não tem saco pra ler um livro.

As HQs de Star Wars são bacanas, não apenas pelos traços, mas pelo fato de que alguns dos livros acabaram virando quadrinhos (a própria Trilogia de Thrawn virou HQ). 

Sem mais demora, segue 1.6GB com HQs de Star Wars (em inglês).