sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

Lançamento de Mighty n.º 9 atrasa novamente

Agora é contido, conto com você!

Eu me lembro muito bem do dia que conheci Rockman.

Tinha uma locadora de video que ficava um "perto longe" de onde eu moro, onde minhas irmãs alugavam algo quando enjoavam de ver Confissões de Adolescente e, quando dava, meus irmãos e eu conseguiamos algo legal pra sustentar um vício irremediavelmente voluntário em jogos. Naquela época o Super Nintendo pegava mais pessoas do que o Ebola, mas minha família não conseguiu ir além de um Dynavision 3.

E você aí, falando de crise. Antigamente as coisas eram bem mais complicadas.

Um belo dia, meu irmão mais velho trouxe um jogo chamado Rockman 3 e.... Ah, como o Amor é lindo. Desde esse dia, minha infância se resumia em conseguiur mais jogos da franquia e ajudar aquele simpático robo azul com um canhão de punho e seu amistoso cachorro robo vermelho com uma mola nas costas a salvar o Mundo inteiro do velho batuta Dr. Willy.

E sim, eu prefiro muito mais o Rockman (ou o X) do que o Zero, Bass, Axl qualquer outro. Aquele som do tiro da bazuca de mão dele me hipnotiza.

Muitos carnavais se passaram e depois de Keiji Inafune anunciar sua saída da Capcom e a criação do que já foi convenientemente entendido pelos fãs do trabalho de Keiji como o Sucessor de Rockman,(apelando para conseguir recursos através do site de financiamento coletivo Kickstarter) é com tanto pesar que anunciu que Might n.º 9 vai demorar mais um pouco.

Salvo engano, já é o terceiro atraso.

No Site Oficial de Mighty nº 9, Keiji pede desculpas aos fãs que aguardam ansiosos, contudo, houve um problema no Modo de Rede, já que o jogo deve atender muitas plataformas diferentes e os cálculos não sairam do jeito que os programadores esperavam. Finalizando a postagem, Keiji estima que na Primavera de 2016 o game esteja pronto e toda a sua equipe trabalha desde o final de 2015 a todo o vapor para tal tarefa.

Se avexe não, Keiji-kun, ficaremos no aguardo.

Para quem já vem esperando por algum jogo bom no estilo Rockman (ou Mega Man, tanto faz), vale a pena esperar. Desde a saída de Keiji da Capcom que o futuro do nosso querido herói se tornou um grosseiro talvez, ditado por empresários que fazem jogos pensando na sua grana... afinal, eles nem sabem(ou se importam) se você existe.

Uma prova cavalar desse descaso é o cancelamento de  Mega Man Legends 3, Mega Man Online e Mega Man Marverick Hunter FPS.

Três jogos, meu povo, TRÊS JOGOS CANCELADO... SEGUIDOS!

E um puto por aí pode até pensar algo como "Ah, mas ao menos lançaram Mega Man X-Over no aniversário de 25 anos do Megaman". Eu juro que não vou comentar nada sobre isso, pra mim, isso foi um enterro do Rockman X.

quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

Comprovado?! Michael Jackson trabalhou na Trilha Sonora de Sonic 3

Sonic - O ouriço azul que corre pracarái

Para quem não sabe (ou nunca se interessou em saber), houve uma época em que a Sega era incrivelmente competente quando o assunto era fazer um Game.

Sim, e não apenas a jogabilidade, mas tudo o que envolvia um Game, e quando eu digo tudo, eu digo TUDO! Músicas, história, jogabilidade, enfim, podemo citar uma caralhada de nomes, mas, um deles salta na frente e deixa todos os outros títulos (incluíndo títulos de outras empresas) para trás: Sonic.

Sonic foi o maior sucesso da Sega.

Sim, eu não te reprovo pela sua careta ao ouvir Sonic e Sucesso na mesma frase. Muito antes do ouriço virar um Lobisomem (sei lá que xavascas é aquilo, só sei que muita gente não curtiu), virar um Cavaleiro de merda , ser a porcaria de um pipoqueiro ou ser escada para o italiano encanador Mário Bros, Sonic era o maior rival da Nintendo.

Atualmente os jogos mostram o Sonic se sujeitando a qualquer tipo de situação, desde a minimamente questionável até situações que transformam as referências do personagem num balde de lixo nuclear. Sério, pra que xavascas o Sonic precisa de um carro?! Ele supera a velocidade do som e faz isso ainda sem usar as Esmeraldas do Caos.

Pronto, já exorcisei meus demônios que estavam enraizados em mim desde a 1993, eu precisava disso... agora podemos iniciar o Post de hoje.

O Mundo dos Games sempre foi recheado de especulações, teorias conspiratórias e tal. Já falamos aqui sobre a teoria dos cartuchos do fiasco jogo E.T. e descartados sumariamente no deserto e... BINGO! Esta se confirmou. Ao que tudo indica, mais uma teoria se confirma : Michael Jackson, o Rei do Pop, trabalhou na composição das músicas de Sonic 3.

Sim, pequeno Padawan, Sonic e Michael Jackson andaram de mãos dadas cantarolando Thriller e Bad bem diante dos seus olhos durante sua infância, e, de repente, no ano em que completa sete anos da morte do Rei do Pop, tudo faz sentido.

Chagas abertas!

Na verdade, existe um perfil no Youtube chamado Yuzoboy, lá você encontrará várias musicas do jogo do ouriço azul mixadas aos maiores sucessos de Michael Jackson e.... putz, é impossível você não encontrar qualquer semelhança.

Poisé, mais uma vez, a História prova que Teorias Conspiratórias não são algo lá tão distante assim. Um vídeo bem legal sobre o assunto feito pelo Capivara Gamer. A relação do Rei do Pop e o Mundo dos Games não se limitou apenas ao jogo Moonwalker.

Falando em Moonwalker, aqui está um site bem legal para catar músicas desse jogo.

De acordo com uma reportagem publicada no Huffington Post por Todd van Luling, a participação de Michael Jackson nas músicas do terceiro jogo de Sonic para o finado Mega Drive (eu ainda tenho o meu), que já estavam cercadas de suspeitas desde 2003, quando usuários de fóruns já especulavam sobre o assunto.
A relação Michael Jackson e Sonic / Sega já foi até matéria de jornal

Nos créditos do Sonic 3 (segundo a teoria, lá também tem uma música do Michael, no caso, Strange in Moscow), existem seis indivíduos responsáveis pela composição das músicas, entre eles, Brad Buxer (na época, trabalhava no album Dangerous). Segundo o trabalho de pesquisa de Todd, Brad confirma que trabalhou ao lado do Rei do Pop na composição da trilha sonora de Sonic 3 com o grupo que é oficialmente apontado nos creditos, contudo, o Astro não curtiu muito o resultado e decidiu não ser referenciado a este trabalho musical.

Depois de semanas de trabalho, o Grupo conseguiu compor 41 faixas que exigiam muito do console para serem reproduzidas, mas a Sega preferiu comprimir tudo e baixar a qualidade por causa dos gráficos e da jogabilidade. Acontece que a tecnologia do jogo não era expressivo o suficiente, não reproduzira fielmente a qualidade do seu trabalho, daí a rejeição. Contudo, há uma outra especulação: Em agosto de 1993, Michael Jackson seria acusado formalmente de abuso sexual. Óbvio que a Sega não queria ter o Sonic (ícone de jogos infantis) associado ao então "pedófilo" Michael Jackson.

De repente, um Astro que também é adorado no Mundo Infantil perde toda e qualquer credibilidade por causa de uma acusação... claro que ninguém está acima de qualquer suspeita, ainda mais pela maneira que tudo se "resolveu" (o caso foi arquivado em 94 e reza a lenda que rolou um acordo milionário).
Finalizando, entenda que, oficialmente, não há nada formalizado entre Sega e público. O trabalho do Todd van Luling, apesar de seguir a linha informal, não é especulativo, já que trabalha com confissões reais de pessoas verdadeiramente envolvidas na produção de Sonic 3.

quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

Veja alguns Games que viraram mapas de Metrô


Metrôs são legais.

Não, ainda não cheguei a andar em nenhum, mas aquele ambiente levemente sinistro me lembra muito aquela maldita pegadinha no Metrô de Fortaleza, além de filmes tipo The Warriors (conhecido aqui como Selvagens da Noite).

Se você não viu The Warriors, faça um favor para você mesmo e vá logo ver.

Enfim, eu acabei falando desse filme e de metrôs, pois, além de muito desse filme (ele também ganhou um game pro PS2) se passar num metrô, hoje falaremos de um cidadão que trabalha customizando mapas de metrô.

Como?! Ele dá o layout de um Game ao mapa do metrô.

Veja 6 games do Nintendo transformados em mapas de Metrô
Matthew Stevenson é um artista que trabalha com essa estética em mapas de metrô, afinal, o próprio Stevenson reconhece que sempre frequentou metrôs onde mora (Washington) e começou esse trabalho com mapas e Games meio que sem querer. Em 1987, Stevenson e seu irmão conheceram um clássico dos 8 bits: Metroid e a porra de seus labirintos...
Mapa de Dragon Warrior

Mapa de Final Fantasy


... não, eu não sei a reação dele ao saber da Samus. A questão é que o trocadilho Metrô e Metroid acabaram criando essa ideia de fazer um mapa do metrô de Washington baseado na estética do Metroid. Depois disso, muitos outros trabalhos vieram.
Mapa de The Legend of Zelda
Mapa de Maniac Mansion

Nesse exercício nostaugico, Stevenson criou mapas para o Metrô de Moscou (baseado no jogo Maniac Mansion),  metrô de Lisboa (baseado no jogo Dragon Warriors que é a versão ocidental do primeiro Dragon Quest), Metrô de Londres (baseado no jogo The Legend of Zelda) e no Sistema de Metrô de Tóquio (baseado no jogo Zelda II), além do Metrô de Nova York (baseado no jogo Final Fantasy). Se você curtiu o trabalho do cara, visite o site e compre alguma coisa.
Mapa do Metroid

Mapa do Zelda II

Para esse tipo de trabalho, Matthew Stevenson prefere os mapas mais lineares, Games tipo Super Mário Bros são legais pracarái, mas são bastante complicados por causa dos níveis (Mundo 1-1; Mundo1-2, etc...). O fato do mapa ser visualmente simples, explica Stevenson, não significa que que sua complexidade seja baixa.

Falando em Super Mário Bros...

Mapa do Metrô de Nova York baseado em Super Mário Bros
Outro cara que se aventurou nessa coisa de customizar mapas de metrô se chama Robert Bacon, este criou este mapa customizado do Metrô de Nova York neste vídeo.
Além desse, Robert também trabalhou customizando mapas do sistema de transporte sobre trilhos de São Francisco ( Bay Area Rapid Transit System - BART para os íntimos).
De repente, deu uma vontade de andar de metrô.

Outras adaptações de Robert, usando esse mesmo layout, são dos metrôs de Atlanta, Washington, Chicago, Tóquio e outros. Se você se interessou e quer ver mais, acesse o site do cara e compre algo por lá.

segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

Armaduras de Ouro em tamanho original serão atração em evento comemorativo de Saint Seiya no Japão

Ohayou Gozaimasu, Kyou wa genki desu ka?!

Akihabara, um distrito do bairro de Chiyoda, em Tóquio - Japão (conhecida como "Meca dos Otakus ou nerds") será palco de um despirocado evento chamado Complete Works of Saint Seiya, uma evidente homenagem aos 30 anos de aventuras e desventuras de Seiya e seus comparsas.

E não, não MAIS UM Sana. Isso ta mais pra uma Exposição.

A página oficial do evento informa que serão apresentados mangás, games e demais coisas sobre o anime que fez Masami Kurumada enriquecer e viver de juros. Ainda sobre o site, a informação de que haverá uma exposição das armaduras dos 12 Dourados em tamanho natural.

Eu lembro que, durante minha infância (quando a finada Rede Manchete reproduzia até a exaustão tudo sobre Cavaleiros),eu vi aquela revista Herói lança um perfil dos dourados (altura, peso, nacionalidade, etc), claro que não foi algo que eles tiraram da cabeça. Há, de fato, uma lista com o perfil de cada personagem e eu vi esta lista quando comprei o Mangá original pela Fonomag.

OBRIGADO, ANIMAX, PELOS INCRÍVEIS SERVIÇOS PRESTADOS AOS FÃS DE ANIMAÇÃO JAPA.

Enfim, seja como for, confira o tamanho de cada Armadura:

  •  Áries: 1,82m
  •  Touro: 2,10m
  •  Gêmeos: 1,88m
  •  Câncer: 1,84m
  •  Leão: 1,85m
  •  Virgem: 1,82m
  •  Libra: 1,70m
  •  Escorpião: 1,85m
  •  Sagitário: 1,87m
  •  Capricórnio: 1,86m
  •  Aquário: 1,84m
  •  Peixes: 1,83m
Bom, eu não sei se são as mesmas expostas na Comic Con Experience 2015. Vale lembrar que o próprio Ryo Mito (produtor dos games Cavaleiros do Zodíaco: Alma dos Soldados) já apareceu em eventos vestido de Aioria de Leão.

E se você curte estátuas de personagens de anime em tamanho real, que tal adquirir a Megumi Kato (Saenai Heroine) por uma bagatela de R$70.000?! Finalizando, Complete Works of Saint Seiya ocorrerá em Junho de 2016 no Tokyo Akihabara UDX.

quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

Uchiha Itachi terá anime solo em 2016

Quem acompanhou o anime Naruto e Naruto Shippuden (sequência com mais sangue e mais "enroleixion"), pode conhecer um pouco mais de um dos personagens mais complexos do referido anime: Uchiha Itachi.

Sim, o irmão mais velho de Uchiha Sasuke (personagem emburrado genérico de animes, mas com incrivel capacidade de deixar garotas babando), o cara que passou a faca em todos os indivíduos do próprio Clã, o cara que bateu de frente com o BadAss mais BadAss do anime (Uchiha Madara), morreu como vilão e, logo na sequência, decobriu-se uma verdade embasbacante.

Ah, não vou contar o desfecho da história do cara, vá ver o anime!

Bom, estou falando do Itachi pr conta de um Trailer exibido no Jump Fest 2016 (um dos principais eventos sobre anime, mangá, games e tal que ocorre em Tólio - Japão sempre em Dezembro).

Naruto Shippuden: The True Legend of Itachi: Volume Light and Darkness
Sabendo que Naruto Shippudem (em especial, a história de Itachi) é bastante carregada de sangue, esperamos que isso não se perca, afinal, seria um tanto estranho ver a história de Uchiha Itachi (com mais detalhes) sem muito sangue.

Animes que começam com muito sangue e depois ficam comportados são estranhos. Para você entender onde quero chegar, basta conferir os primeiros episódios de Saint Seiya (12 casas, por exemplo) e, depois, Saint Seiya Omega.

Poisé.


Voltando ao assunto, o vídeo acima foi transmitido pela TV Tokyo durante o Jump Fest 2016, como já falei acima e o estilo de desenho não parece mudar qualquer coisa, o que já é um bom sinal. Também, o novo anime será baseado no Spin-Off Itachi Shinden: Livro da Luz Resplandecente, o primeiro mangá do Naruto Shippuden.

sexta-feira, 15 de janeiro de 2016

Uma visão Filosófica e Espiritualista sobre a animação Madagascar


Oi, meu povo! Primeiro de tudo, um FELIZ 2016 pra todos!

Este inicio de ano, eu resolvi dar uma cara mais "Pessoal" no blog, depois de uma constatação embasbacante. Certo dia, conversando por e-mail com o blogueiro do Luz e Trevas, este comentou a falta de postagens sobre Cinema neste blog que deveria falar sobre Cinema...
... Pelas barbas de Jack Sparrow, ele está certo!

Adoro Cinema e, para mim, a oportunidade de debater sobre a Sétima Arte é o Orgasmo Tântrico e reconheço que, apesar de ser esse o propósito incial deste Blog, acabei desviando desse caminho...

... não me olhe assim, o Darth Vader também se desviou do caminho e nem por isso você deixou de gostar dele.

Então vamos falar de Filmes. Hoje, falaremos de uma animação que eu não gostava muito (achava seu visual de gosto duvidoso), mas aprendi a gostar e, depois de muito dessa coisa de pensamento profundo na cabeça, hoje é um dos meus Filmes favoritos.

Estou falando de Madagacar.

Antes de seguirmos, quero deixar claro que essa é minha interpretação. Eu já falei sobre como discutir sobre Filmes, então, você tem liberdade pra pensar do seu jeito. Ah, e não vou me prender ao filme, se não conhece a história, vá ver o filme, ora pombas! Além do mais, quero discutir outras coisas que acho mais interessante, uma abordagem mais Espiritualista, com influência de Sócrates e seu discurso do Mito da Caverna.

Sério?! Sócrates em animação infantil?!

Vai lendo. Espero que gostem e comentem.
----------------------------------------

INFORMAÇÕES GERAIS DE MADAGASCAR (2005) 

Animação produzida pela DreamWorks Animation SKG e dirigida por Eric Darnell e Tom McGrath (também faz a voz do Pinguim "Capitão). Madagascar é a história de quatro animais (o Leão Alex - Ben Stiller; a Zebra Martin - Chris Rock; a girafa Melman - David Schwimmer; a Hipopótamo Glória - Jada Pinkett Smith) que tem sua confortável rotina como as maiores atrações do Zoológico de Nova York abaladas pela obcessão da Zebra em voltar para a Natureza.

Pronto?! Cadê o velho "parteiro de ideias" e beberão de Cicuta?!

Calma, jovem mancebo. Vamos por partes.

VISÃO FILOSÓFICA (SOCRÁTICA) DE MADAGASCAR

Nossos improváveis Heróis tem uma vida extremamente confortável e despretensiosa no Zoológico de Nova Yokr. Contudo, a Zebra (Martin) quer mais, se sente deslocado e tem crises existenciais ao ver o Mural de frente para a sua jaula, com a pintura da savana, seu habitat natural.

Martin observa o mural do Zoológico com paisagens da Savana
Ao observar o Mural, Martin imagina como seria a vida fora do Zoo, onde vive uma Vida de mentirinha. Ar puro, instintos, agora o Zoológico é uma prisão e Ele (Zebra) deseja escapar dali e viver de verdade numa nova realidade.

Essa situação não te lembra nada?!

Pois deveria!

O Mito da Caverna - Platão

A ALEGORIA DA CAVERNA EM MADAGASCAR

É exatamente a proposta de Sócrates no livro VII de A RepúblicaAlegoria da Caverna (Alegoria é mais correto do que Mito). Nesse livro, Sócrates e Glauco (amigo de Sócrates) comparam a Sociedade a Homens cativos desde a infância em uma caverna e, por isso, desconhecem qualquer coisa do lado de fora.

Para estes Homens, as Sombras projetadas na parede da caverna por uma fogueira são tudo o que conhecem do Mundo fora dali. Se você for ávido por Conhecimento, leia A República e seja mais Sábio e Feliz (afinal, Conhecimento é Poder)... Mas se você é igual a mim e é incapaz de ler mais do que cinco frases antes de se afogar no Tédio, pega esse resumão, que também tá valendo.

Voltando ao filme,  a Zebra recebe dos Pinguins (considerados Loucos pelo resto do Zoo) a confirmação de que há, realmente, um Mundão lá fora cheio de coisas e que sua vida ali não é natural. A Zebra compartilha com os amigos a ideia de fugir e é desencorajado. Até seu melhor amigo (o Leão Alex) o reprova.

Amigos que jogam por terra seus sonhos mais destemidos... aposto que você lembrou de alguém agora.


Na Alegoria da Caverna, Sócrates diz que "Aquele que tiver uma visão diferente dos demais cativos na Caverna acaba hostilizado". O próprio Sócrates também sofreu Bullying por suas ideias. Seus discípulos, que eram encorajados a questionar a Sociedade, também eram penalizados. A vida no Zoológico é ótima e esse tipo de mentalidade você pode encontrar em qualquer lugar, no seu Trabalho, na sua Academia, entre seus Amigos também.

Ninguém troca o Certo pelo Duvidoso. 

Lembrei de O Peregrino (filme fácil de achar na Net), onde se discute os problemas que o Verdadeiro Cristão encontra ao tentar seguir os corretos caminhos.

Ainda na Alegoria da Caverna, quando os Animais conseguem chegar até a Natureza temos a representação da saída da Caverna, onde o cativo experimenta sensações desconhecidas: O Sol, a grama, o vento e a certeza de que a Vida na Caverna era limitada e falsa... mas não se iluga, pequeno gafanhoto. O Mundo lá fora tem situações que Caverna nenhuma vai te deixar suficientemente preparado para encarar.

VISÃO ESPIRITUALIZADA DE MADAGASCAR

Agora nossos Heróis estão na Natureza e não será fácil viver sem as regalias do Zoo. Seja por uma perspectiva Darwinist da Natureza ou pelo Darwinismo Social, apenas os indivíduos que se adaptam e resistem a Tudo conseguem prosperar.

O TEMA REENCARNAÇÃO EM MADAGASCAR

Numa visão Espiritualista (mais especificamente no Espiritismo), a mudança do Zoo (fácil e simulado) para a Natureza (complexo e imprevisível) lembra a proposta da Reencarnação. Quando o Espírito reencarna, ele vem de um Ambiente onde recebe acolhimento de Benfeitores Espirituais e se prepara para voltar a Terra pra se aprimorar (corrigindo defeitos, reatando laços e aprendendo mais coisas).

Em Madagascar essa proposta é percebida na rotina do Zoológico (que seria o Mundo Espiritual), onde os Animais não enfrentam adversidades/provações como Fome, Sede, Cansaço ou mesmo Predadores. Já na Natureza (reencarnado na Terra) a coisa é bem diferente: É preciso lutar por comida, bebida, reunir um mínimo para viver e criar relacionamentos...

... e PRINCIPALMENTE DOMINAR SEUS INSTINTOS. Em uma relação social, ter o Controle sobre sua personalidade pode fazer toda a diferença.

O LEÃO PREDADOR QUE EXISTE EM CADA UM

Todos os Animais são testados (tanto os do Zoológico, quanto os Nativos de Madagascar) e o Leão é o que mais sofre na adaptação, pois a Vida no Zoológico reprimiu todo seu instinto de animal Predador e quando isso se manifesta, ele não sabe como reagir, pois desconhecia isso. Até aquele movimento foda que o felino virar no ar e cair de pé.

Sim, aquele movimento é muito massa.

E Sim, eu já joguei um gato pra cima só pra vê-lo virar no ar.

A questão é que os Instintos predatórios do Leão Alex surgem e o descontrole é total, o que é um problema pra quem estiver por perto. Da noite pro dia, a presença do Leão se transforma de Liderança para Perigo extremo.

Principalmente a Zebra Martin, que quase é devorada, mas este não desiste da Amizade com o felino. Tal situação leva o Leão Alex a se isolar na ilha das Fossas, onde tem constantes pesadelos e alucinações causadas pelo seu instinto predatório e pela fome. Nem a Amizade com a Zebra Martin parece superar essa situação.

Ainda sobre Espiritismo, nossas más inclinações são oriundas do Espírito, um "Ser" ancestral com experiências de suas várias vidas (Maiores dúvidas, veja este artigo sobre O Criminoso Nato e a Reencarnação). O comportamento predatório do Leão pode ser entendido como nossos impulsos mais primitivos de difícil controle. No caso do Leão Alex, seus instintos, adormecidos, agora despertam na Natureza e Alex precisa aprender a dominá-los para não machucar ninguém que ele ama.


É interessante pensar nessa relação de Amor/Ódio do Leão com a Zebra, o que lembra muito o Yin-Yang, a melhor representação de harmonia (que seria um meio termo entre o Leão e a Zebra, a temperanca). A necessidade de manter uma relação saudável com o Mundo requer uma moderação dos Instintos.

Não dá pra chuta o pau da barraca o tempo todo.

O equilíirio vindo do Forte laço de Amizade entre a Zebra e o Leão, entre a Presa e o Predador e outros pares de opostos (agressor e ofendido, criminoso e vítima, maior e o menor, primeiro e ultimo) dão uma clara afirmação da necessidade de moderação em nosso estilo de vida.

Quando perdemos o controle e nos deixamos dominar por instintos primitivos, lascamos tudo e só uma forte amizade e, claro, nossa própria boa vontade, é que pode nos tirar desse tipo de problema. Claro, o ambiente, as amizades e nossa condição física pesam, além do mais, você não vai se ajeitar de uma hora pra outra. A fome e o fato de ser o unico carnívoro do grupo contribuem seriamente para tal situação.Contudo, no final, a culpe é o próprio Indivíduo, por causa do Livre Arbítrio.

OS PINGUINS E AS REVOLUÇÕES PERIÓDICAS

Eu penso que os Pinguins podem ser entendidos, filosoficamente falando, como o Conhecimento, o Espírito Aventureiro e inconstante que excitam as mentes para sair do Comodismo.

Interessante você pensar que os Pinguins também são uma representação da Força Intelectual Coletiva, ou seja, União, Espírito de Equipe. Antes, no Zoológico, cada animal tinha seu canto e vivia sua vida fuleragem, os Pinguins mostram que a União de várias ideias e disciplina podem revolucionar seu estilo de vida.

Ainda sobre Espiritismo, penso naquela trupe de Pinguins como um Espírito Idealista. O fato de serem Pinguins vivendo na Savana (indivíduos totalmetne estranhos naquele ambiente) e ajudando os recém chegados desde muito longe, simbolizaria, de forma sutil, a performance de Espíritos Superiores auxiliando os Médiuns desde o Período de Erraticidade até a reencarnação .

O Espiritismo diz que somos auxiliados por Seres mais Conscientes e intelectualmente mais adiantados, o que é uma mão na roda durante nossa ardua tarefa de encontrar nosso lugar ao Sol. Ainda sobre esses Espíritos Superiores, vale ressaltar a ocultação de sua verdadeira identidade, pois, para Eles, o que importa não é o Mensageiro, mas a Mensagem.
"Você não viu naaaaada..."
Por isso a imagem dos Pinguins, que são (praticamente) todos iguais.

Os Pinguins ressaltam bem essa frase, não penas pelo fato de serem idealistas e de seguirem os quatro protagonistas até Madagascar, mas pelo fato de que carregam, simbolicamente e da mesma forma que a Zebra Martin, o equilibrio nas cores (Yin-Yang).

----------------------------------------
Bom, vou ficando por aqui. Cara, vocês não imaginam a trabalheira e a canseira que essa postagem me deu... na verdade, eu estou  com esse rascunho salvo nos meus papeis desde o ano passado (mais necessariamente primeiro semestre de 2015), mas finalmente saiu.

Anida virão outros, espero que gostem e comentem. Achou a postagem longa?! Achou algum erro?! Informe e compartilhe. Abraço.