segunda-feira, 25 de julho de 2016

O Destino de Gohan em Dragon Ball Super foi chato?

Representação Oficial de Mirai Trunks para Dragon Ball Super
O Episódio 52 de Dragon Ball Super resolveu puxar o freio de mão um pouco, depois de toda a tensão causada pela aparição de Black, um alguém que "parece" ser o Goku, mas fala coisas estranhas como "lutar usando este corpo".

Agora que o tumulto diminuiu um pouco, temos a oportunidade de saber, com precisão, o que passa na cabeça de um personagem de tanto contraste em DB, de alguém que viu sua geração ser massacrada por vilões de Poder obsceno.

Pensando nisso, Mirai Trunks só venceu o Cell (naquela forma de barata) e o Dabura (e com ajuda). Os Androids e o Black chutaram a bunda do Trunks até o passsado de forma preocupante.

Já falei disso aqui anteriormente, mas eu penso que resgatar um personagem como Mirai Trunks foi a forma mais acertada de salvar Dragon Ball Super, que já vinha caindo no gosto dos fãs mais tradicionais e não apenas pelo fato de sentirem falta das lutas (e da violência por assim dizer), mas pelo traço que vinha despencando em queda livre.

Que, aliás, não melhorou e já falamos na queda da qualidade de alguns animes também.

Eu vejo muita gente reclamando que o Mirai Trunks está enfraquecido e, mais ainda, reclamando que o Gohan firou um bosta, que não luta mais e que sua participação no anime é humilhante...  de certa forma, é bastante chato ver um personagem que superou todos os padrões aparecer como Gohan aparece em DB Super.

E eu pensei que nada seria mais ridiculo do que o Super Sayaman, mas sigamos em frente.
Trunks viu, por diversas vezes, seus amigos morrerem sem a possibilidade de usar as Esferas do Dragão
É fato que essa reclamação toda não é outra coisa, se não um mimimi de raiva dos fãs que sentem falta do Gohan caceteiro. No Futuro, Gohan perdeu um braço e tem, no rosto, uma cicatriz do tamanho de uma folha A4. Ainda, o cara é responsável pelo legado de Goku, sem falar no Gohan SSJ 2 que transformou os filhotes do Cell em farofa com um "pedala Robinho"...

... e faz tempo que não ouço essa expressão.





Então, isso faz falta, mas vendo o referido episódio, ficou claro para mim que apresentar um Gohan pacato, fracote (sim, o próprio Trunks constata isso) e que encontra prazeres em estudar, tomar sorvete e pagar mico para entreter a filha tem algo muito mais intenso do que, simplesmente, mostar mais do Goku e Vegeta.


Para muitos Fanboys, o Gohan desta Linha do Tempo ficou chato e os fãs tem que boicotar o Anime. Porém, no final das contas, Trunks fica feliz pelo "fim" de seu Mestre: Tempo e liberdade para prazeres simples, motivos simples pra dar risada, uma boa companhia, enfim, pra mim, dar um descanso merecido a um Herói que tanto lutou de forma feroz e competente, apesar de nosso senso egoísta, é o melhor final para o discípulo de Piccolo.

Numa cena bastante emocionante, Trunks demonstra querer uma vida assim, chegando a invejar Gohan, que teve a oportunidade de optar por viver uma vida sossegada, coisa que nosso guerreiro do Futuro tanto deseja para o seu Futuro e para Ele próprio e as pessoas que ele gosta.

Apesar dessas pessoas terem morrido nas mãos do Black, mas isso não vem ao caso.
Se você parar pra pensar um pouquinho, em toda a história da franquia de Dragon Ball, poucas vezes vemos Sentimentos sendo explorados de forma positiva em seus personagens, excetuando sentimentos como Raiva e Tristeza por alguém assassinado numa luta violenta, o que geraria mais Raiva.

A verdade é que, de uma certa forma, nosso querido Mirai Trunks consegiu salvar seu Mestre. Ele vive feliz e tranquilo e a viagem no Tempo permitiu que isso fosse constatado. Concluíndo, o passeio de Mirai Trunks pela Linha do Tempo que ele ajudou a criar pode ser considerada um Crime (segundo o Jaco e Whis), mas, de uma certa forma, é exatamente isso que o filho de Vegeta procura para a sua Linha do Tempo: PAZ.

E, mais uma vez, eu tiro o chapeu para Dragon Ball Super, que permitiu fechar esse Arco e permitiu alcançarmos essa interpretação. Eu já falei que o Anime está melhorando a cada episódio e, mesmo que não acabe como esperamos, são momentos assim que me permitem dizer que o anime foi bom e ,realmente, Dragon Ball Super está surpreendendo.

Até a próxima postagem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário